Empresas de tecnologia se unem e lançam Guia de prevenção ao COVID-19

  • Prático e didático, “Guia para uma entrega segura em casa para todos” tem como objetivo auxiliar cada elo do comércio eletrônico na prevenção da pandemia
  • Com proposta visual e capítulos dedicados a restaurantes, e-commerce, empresas de entrega e mobilidade , guia estimula clientes e parceiros a cumprir as recomendações da OMS
  • Manual tem apoio das empresas Abrasel, B2LOG, Brasscom, Chef Meat, Delivery Much, Electrolux, FecomercioSP, Foodfinder, Seprosp, 99Food, Alfred, AmBev, AmeFlash, Americanas, BTF, Buscapé, Cabify, Direct, iFood, James, Loggi, Marmitaê, Mercado Livre, Nestlé, Supermercado Now, OLX, Rappi, Shoptime, Submarino, UberEats e Zoom.

São Paulo, 17 de abril de 2020 –  A Associação Brasileira Online to Offline (ABO2O),  a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), a FecomercioSP, a Associação Brasileira de Mobilidade e Tecnologia (Amobitec) e algumas das principais plataformas de tecnologia lançam nesta semana o “Guia para uma entrega segura em casa para todos”.

O objetivo do documento é ajudar empresas, clientes e parceiros a cumprirem as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) no combate e na prevenção da Covid-19, partindo das especificidades de cada tipo de entrega e cada etapa do processo.

Neste período de distanciamento social, a informação é o melhor instrumento no combate à transmissão do vírus. Com recomendações para a entrega de mercadorias, alimentos, refeições e pacotes em geral, o Guia ajuda a padronizar os procedimentos de higiene e prevenção, tornando as entregas mais seguras para os clientes, parceiros e entregadores.

“Como nossa prioridade é a preservação de vidas, desenvolvemos um manual com orientações das principais entidades setoriais, empresas e órgãos de saúde para que todos possam estar informados sobre as melhores práticas de prevenção”, explica Vitor Magnani, presidente da Associação Brasileira Online to Offline (ABO2O) e do Conselho de Comércio Eletrônico da FecomercioSP.

Com a proibição do atendimento ao público no comércio presencial em muitas cidades, o e-commerce passou a ser instrumento fundamental para atender a demanda da sociedade. Segundo levantamento do Ebit/Nielsen, o comércio eletrônico teve um crescimento de 18,5% entre 31 de março e 6 abril.

Para o presidente da Abrasel, Paulo Solmucci, os bares e restaurantes estão acostumados a lidar com normas da vigilância sanitária e já observavam diretrizes de segurança dos alimentos. “Nas cozinhas, sempre houve prevenção à contaminação, isso faz parte do dia a dia dos negócios do setor. A grande novidade é o cuidado com o contato entre as pessoas – trabalhadores, clientes, entregadores – que devem obedecer novos parâmetros de segurança e higiene recomendados pela OMS, como distância mínima, higienização das mãos e de objetos etc. Por isso, preparamos essa cartilha para orientar todos os envolvidos nesse processo, são boas práticas importantes e fáceis de serem seguidas”, afirma.

Disponível a partir desta semana para governos, associações, sindicatos, bares, restaurantes, e-commerces, empresas de entrega e mobilidade e para o público final, o “Guia para uma entrega segura em casa para todos” foi elaborado pelas empresas Abrasel, B2LOG, Brasscom, Chef Meat, Delivery Much, Electrolux, FecomercioSP, Foodfinder, Seprosp, 99Food, Alfred, AmBev, AmeFlash, Americanas, BTF, Buscapé, Cabify, Direct, iFood, James, Loggi, Marmitaê, Mercado Livre, Nestlé, Supermercado Now, OLX, Rappi, Shoptime, Submarino, UberEats e Zoom.

Para conferir o Guia completo, clique aqui

Gostou do Guia e quer Apoiar a iniciativa?
Para incluir sua empresa, clique no botão abaixo e preencha o formulário

Empresas que apoiam a causa:

 

Leave a comment

Mantenedores

Apoio